Mochila All Trail

Mochila All Trail 35L – Thule

Hoje venho apresentar a mochila All Trail 35L, estamos a cerca de 5 meses avaliando este modelo lançado pela marca Thule no Brasil, no segundo semestre de 2018.

O modelo de mochila All Trail foi desenvolvido para ser usado em todas as trilhas, sejam elas: trilhas leves, trekkings de vários dias e até mesmo uma mochila para ir para a faculdade ou trabalho.


Características e inovações

A mochila apresenta duas capacidades expressa em litros, sendo de 35 L e 45 L.

A versão feminina à duas cores disponíveis: Cinza/azul e roxo/cinza. Na versão masculina apresenta três cores: Azul, cinza/vermelho e Verde. veja as imagens abaixo:

Mochila All Trail

Fabricada em Dobby Poly 420 D e 330D Ripstop Poliester, esses tecidos garantem a All Trail 35 L robustez e leveza.

O costado é muito confortável, possui um pequeno duto de ventilação que aumenta a circulação de ar nas costas, as alças são anatômicas e totalmente reguláveis, garantindo maior mobilidade ao usuário.

Notamos que o costado, alças e barrigueira é uma evolução dos que são usados nos modelos Versant, tanto as alças como a barrigueira nesse modelo são bem mais acolchoadas, isso é sentido muito bem quando a mochila está totalmente carregada.

Mochila All Trail

Na parte da barrigueira as fivelas funcionam como roldanas, tornando-a fácil de regular. A barrigueira conta com um bolso com zíper em um lado e no outro conta com o sistema Versa-click, esta é uma tecnologia usada pela Thule que a deixa muito mais versátil e adaptável ao usuário. Essa tecnologias está presente nos modelos de mochila: Guidepost, Versant, Capstone e All Trail.

O VersaClick nada mais é que um sistema de engate de acessórios, onde o usuário pode escolher entre quatro modelos: Suporte para garrafa de água, estojo para câmeras fotográficas DSLR, estojo para câmeras fotográficas Mirorless e estojo para magnésio (muito usado por escaladores).

A mochila conta 4 fitas de compressão, sendo 2 em cada lado da mochila, possui também elos de fixação para prender piquetas de gelo/bastão de caminhada nas próprias fitas de compressão.

Mochila All Trail
Mochila All Trail

Conta com 1 bolso telado em cada lado, onde é possível acomodar garrafas de até 1 litro de água ou outros equipamentos.

Um diferencial importante que vale mencionar é a grande abertura frontal em “U”, a mochila não possui capuz como em outros modelos, assim essa abertura facilita muito a organização dos equipamentos no seu interior.

Além da grande abertura a mochila All Trail 35 L conta com mais dois bolsos externos, sendo um na parte frontal e outro na parte superior.

Na parte interna a mochila é dividida em 3 compartimentos, sendo um para o reservatório de água, outro para guardar os equipamentos no geral e o terceiro para acomodar itens que você precise que esteja sempre a mão, como por exemplo: anoraques, lanches e estojo de primeiros socorros. (este compartimento pode ser aberto pela parte frontal da mochila).

Mochila All Trail

Compartimentos

  1. Bolso superior (tamanho pequeno)
  2. Abertura frontal em “U” com zíper
  3. Fitas de Compressão
  4. Elos (looping) para mosquetões/telas
  5. Porta bastão de caminhada de fácil acesso na barrigueira “Versaclick”
  6. Elo (looping) para fixação do bastão de caminhada (trekking pole)
  7. Elo (looping) para fixação de piqueta de gelo (piolet)
  8. Compartimento da Capa de chuva (rain cover)
  9. Bolso para acesso rápido
  10. Porta garrafa de água (squeeze)
  11. Fita peitoral
  12. Regulagem de altura das alças
  13. Bolso com zíper na barrigueira
  14. Passador para a mangueira de hidratação

Especificações técnicas

CorMykonos
SexoMasculino
UsoCaminhada de um dia
Materiais420D Dobby Poly, 330D Ripstop Polyester
Volume35 L
Dimensões32 x 30 x 61 cm
Peso1.26 kg
Número do modelo3203537

Valor aproximado: R$ 1.059,00

Vídeo Thule All Trail 35L

Onde comprar

Este produto é encontrado nas principais lojas do país, caso você seja do Rio Grande do Sul você pode optar pela lojas especializadas em trekking como: Bota na TrilhaGuenoa.

Início dos testes

O teste da mochila começou em Setembro/2018, quando fomos convidados a participar do Thule Experience, um evento realizado pela marca anualmente. O evento aconteceu em um dos locais mais icônicos do montanhismo nacional, à Serra Fina, considerado por muitos uma das trilhas mais difíceis do país.

Mochila All Trail

A trilha que realizamos para testar as mochilas começava no Refúgio Serra Fina e chegava no alto do Capim Amarelo, um cume de 2.570 metros acima do nível do mar, sendo aproximadamente 18 quilômetros de trilhas entre ida e volta.

Mochila All Trail
Crédito: Cristian Stassun

De fato é um bom trajeto para realizar as primeiras impressões da mochila, demoramos um certo tempo para escrever a avaliação da mochila All Trail 35 L, pois queríamos realizar outros testes.

Depois de estrear a mochila na Serra Fina, era hora de avaliar o modelo nas trilhas do sul do Brasil, fiz inúmeras trilhas em leitos de rio, em mata fechada e explorei muitas cachoeiras ao longo desses 5 meses de testes.

Mochila All Trail
Mochila All Trail
Mochila All Trail
Mochila All Trail

Uma das sugestões que tenho de melhoria da mochila All Trail é sobre o porta bastão de caminhada na barrigueira, pois o tipo da presilha que acomoda os bastões não é muito rígida, dificultando o manuseio, tanto para acomodar, quanto para tirar os bastões é as vezes complicado.

Os bastões quando estão ali acomodados eles podem atrapalhar um pouco ao longo da trilha, em algumas travessias de trekking, quando estamos em pequenos grupos em uma fila indiana (um frente ao outro), os bastões ficam escorregando pela presilha, tanto para frente quanto para trás, isso atrapalha o usuário durante a caminhada.

Usei por muitas vezes o modelo em expedições fotográficas, sei que a mochila não foi concebida para esse tipo de aplicação, mas fazer o que, “quem não tem cão, caça com gato”.  Uso essa mochila para ir ao trabalho também, onde levo comigo sempre o notebook, fones de ouvido e algumas materiais de trabalho.

Mochila All Trail

Posso dizer que essa mochila pode ser adaptada para qualquer situação, ela é leve, robusta e estilosa para usar até mesmo no dia a dia.

Se você gostou da nossa avaliação completa, deixe um comentário logo abaixo, veja também mais avaliações de produtos aqui em nosso site. Acesse!

Mochilas Thule

Sabemos que hoje em dia as atividades ao ar livre são um nicho de mercado grandioso, as grandes empresas do mundo outdoor competem entre si para trazer as melhores tecnologias da atualidade a seus produtos, visando aumentar a durabilidade, conforto e leveza de seus equipamentos, conheça as novas mochilas Thule!

A Thule surgiu no Brasil há cerca de 20 anos e a 4 anos fazem mochilas técnicas, mas traz consigo uma experiência de mais de 76 anos fabricando produtos de alta qualidade. A marca é de origem Sueca, tem como missão trazê-lo para mais perto do mundo e de sua paixão pela vida. É um grupo internacional de pessoas unidas pela paixão em ajudar famílias ativas e entusiastas de atividades ao ar livre.

Neste breve texto trazemos a vocês novidades que irão desembarcar por aqui nos próximos meses, lembrando que a marca já inovou algumas de suas mochilas no final do ano de 2017, melhorou ainda mais os modelos de mochilas Guidepost e Capstone.

Mochilas Thule

Mochilas Thule

Neste ano de 2018 estão previstas grandes novidades, vamos começar falando um pouco da mochila Thule Versant, essa foi redesenhada em seu capuz e ganhou uma nova cor, no site oficial da marca já é possível ver as fotos de apresentação desse modelo. Abaixo é possível ver as alterações entre os modelos antigo/novo:

Mochilas Thule

Outra novidade são as atualizações no design das mochilas Thule Stir, essas até o momento vinham com capacidades expressas em litros de: 15L, 20L e 35L, as capacidades não mudaram, mas foram acrescentadas duas outras capacidades sendo uma de 18L e outra com 28L, até então esses dois modelos apresentam imagens e vídeos no site oficial. Não sabemos se os outros modelos já consolidados no mercado passarão por essa mudança também.

Mudanças essas que podemos notar no vídeo a seguir:

A Thule irá trazer ao mercado brasileiro uma linha de mochilas de hidratação, sabemos que há três opções de modelos, veja abaixo:

Mochilas Thule Vital 8L + Hydrapak 2,5L

Mochilas Thule

Mochilas Thule Vital 6L + Hydrapak 2,5L

Mochilas Thule

Mochilas Thule Vital 3L + Hydrapak 1,75L

Mochilas Thule

Nós da empresa Trekking RS usamos e recomendamos os produtos Thule, para qual for a sua próxima aventura, em nosso site trekkingrs.com já testamos, avaliamos e escrevemos sobre alguns produtos, tendo sempre como foco manter a transparência de maneira clara e imparcial. Somos formadores de opinião, por isso, disponibilizamos nossas fotos, experiências e conclusões para o nosso público leitor, que hoje alcança mais de  250 mil usuários, em mais de 130 países do mundo. Somos um canal já consolidado na internet e um dos maiores sites do Brasil, com conteúdos diversificados no segmento de atividades ao ar livre.

Quer saber sobre aventuras, esportes e equipamentos. Então fique atento, estamos sempre trazendo grandes novidades para você.

Já deixe seu like em nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Carlos Santalena fala sobre Monte Everest

A palestra aconteceu nessa última terça feira, dia 14 de novembro na loja de equipamentos de aventura Big Wall, Carlos Santalena que em 2 vezes alcançou o topo do mundo e José Eduardo Sartor Filho apresentaram a maior montanha do mundo, o Monte Everest, para um pequeno grupo de pessoas, neste evento estavam presentes a proprietária da Big Wall, alguns clientes, nós do Trekking RS e mais alguns amigos.

Sabemos que precisaria inúmeras horas para falar apenas do Monte Everest, mas em duas horas aproximadamente de palestra, Eduardo e Carlos foram muito claros nas explicações, quando questionados.

Carlos Santalena

Eduardo começou a palestra por volta de 20:00 horas falando sobre o Nepal, país este que faz fronteira com a Índia e China, possui a maior aglomerado de montanhas do planeta, muito conhecido como Himalaia, ali se encontra as montanhas mais alta do mundo.

Eduardo explanou por cerca de 1 hora o trekking de 9 dias até o acampamento base do Monte Everest, sobre os graus de dificuldade dessa atividade, riscos, e a beleza regional do lugar. No site da empresa Grade 6, você encontra essa atividade, com todos seus dados específicos e detalhados.

Carlos Santalena

Carlos Santalena

Carlos Santalena

Depois da explicação de Eduardo sobre o trekking até o Campo Base do Monte Everest, Carlos Santalena, falou sobre o trajeto, dificuldade e outros fatos que envolvem a subida até o cume do Monte Everest, alguns assuntos me chamaram a atenção: o valor da permissão para poder subir até o cume do Monte Everest é de US$ 10.000 Dólares, um valor um tanto salgado, este é pago para apenas você ter acesso ao cume. Outra detalhe que também chamou a minha atenção é a quantidade de ciclos de aclimatação, são 4 ciclos, estes tem a função de te ajudar a superar os efeitos da altitude, quanto mais tempo você ficar nestes ciclos, melhor seu corpo se adaptará em grandes altitudes.

Além disso a expedição ao Everest pode durar até 50 dias, e custar aproximadamente 200 mil reais.

Depois de muitas perguntas feitas e respondidas, com a maior clareza possível, a empresa Grade 6 sorteou alguns brindes, estes eram: uma mochila Thule Capstone de 32 litros e dois livros.

Carlos Santalena

Carlos Santalena usa a Mochila Thule Capstone 32L para chegar ao cume do Everest, a cerca de 3 anos usando de maneira intensiva, a mochila continua muito boa.

Nós do Trekking RS usamos os equipamentos Thule desde a sua chegada ao Brasil, pois são leves, bonitos e possuem uma longa vida útil, aqui no nosso site você pode conferir algumas avaliações destes produtos, acesse!

Tentei explicar de uma maneira clara e sucinta a palestra de 2 horas de duração na loja Big Wall em Porto Alegre/RS, para aqueles que por alguma razão não puderam estar presentes neste belo evento.

Caso você queira estar informado sobre tudo que está acontecendo de aventura na região sul do Brasil, acesse nossa página no Facebook, ali postamos diariamente, assuntos interessantes, e eventos que irão acontecer em nossa região.

Mochilas para trekking, como escolher!

Mochilas para trekking, como escolher!

Todos nós sabemos que as mochilas são de fato o equipamento mais usado para todos os tipos de aventuras, viagens a lazer ou a trabalho, quase sempre analisamos apenas um dado específico na hora da compra, na maioria das vezes este dado é o valor, quanto custa. Mas será que isso é o que mais importa?

Hoje no mercado nacional temos uma infinidade de mochilas com as mais variadas aplicabilidades, com valores que podem variar entre R$ 200 reais até R$ 1.600 reais ou até mais que isso. Queremos com este post ajudar você a escolher a melhor mochila para sua necessidades, levando em conta não apenas seu valor, mas alguns outros dados de suma importância para quem pratica atividades de aventura.

A principal referência para determinar o quanto você quer gastar neste equipamento é a quantidade de conforto que queres ter ao praticar certos tipos de atividades.

A atividade que queremos ressaltar aqui é a caminhada conhecida como trekking. Mas afinal o que é exatamente um trekking?

trekking

A palavra trekking nos remete a caminhar, trilhar, andar. É a mais remota e conhecida forma de deslocamento desde que o homem ascendeu a qualidade de bípede.

Entendemos que a caminhada conhecida como Trekking, é uma atividade que envolve longos percursos, que tenha a necessidade de pernoitar durante a execução da atividade. O trekking pode ser realizado em 2 dias ou mais, dependendo unicamente da sua capacidade física.

Geralmente ao fazermos um trekking levamos conosco tudo aquilo que achamos importante, desde barraca até os alimentos que vamos preparar ao longo do caminho. Para atender essa grande demanda de espaço precisamos de uma mochila que tenha capacidade para tal, que nos proporcione um certo conforto e que fique de acordo com o que possamos investir para ter um equipamento que nos traga segurança e comodidade.

Acredito que, um dos maiores desafios na compra de uma nova mochila é em relação ao seu peso, pois a atividade descrita acima faz com que tenhamos que carregar pesos entre 12 a 18 quilogramas e as vezes por vários dias consecutivos, não é recomendado levar mais peso que isso, pois força toda a nossa estrutura corporal.

Veja abaixo o comparativo que fizemos para entender melhor a relação de peso. Escolhemos uma mochila de cada uma das duas marcas com capacidades semelhantes, sendo empresas de renome mundialmente e que são oferecidas aqui no Brasil.

Para fazer este comparativo escolhemos a Mochila Volt 75L da marca Osprey e a mochila Airconct pro 65+15L da marca Deuter.

comparativo de mochilas

Na imagem acima notamos uma grande diferença entre as duas mochila, são quase 1,5 kg que pode fazer total diferença em uma atividade de muitos dias caminhando. O peso da mochila interfere diretamente no peso final de todo o conjuntos de coisas que carregamos, pense quanto dinheiro terá que investir por exemplo para baixar estes 1,5 kg, sabendo que equipamentos mais leves, aqui no Brasil são geralmente mais caros e difíceis de encontrar.

A explicação para essa diferença exorbitante na relação de peso é dada pelos materiais e tecnologias empregadas por cada tipo de fabricante, a Deuter por exemplo, constroem suas mochilas para que sejam duráveis ao tempo, certamente uma mochila desse tipo irá durar cerca de 20 anos ou mais, já a fabricante Osprey prefere construir com materiais mais leves, o que garante baixo peso, sem deixar a desejar.

Você já parou para pensar, quantas vezes você trocou de equipamentos durante um período de cinco anos,  hoje em dia as pessoas não buscam mais equipamentos duráveis, mas sim que possuem grandes avanços tecnológicos, baixo peso e que garantam praticidade para suas aventuras.

As duas mochilas tem valores em reais muito parecidos, a mochila Deuter custa R$ 1.499 reais, visto na loja Orientista, a mochila Osprey custa R$ 1.424 reais na loja Camerum, as duas no mercado nacional.

A outros dados que também são importantes analisar na hora da compra, como por exemplo: o tamanho a ser comprado. As mochilas são expressadas com valores em litros, mas isso não quer dizer que se a mochila consta 55 litros você poderá carregar 55 kg de carga, cada fabricante tem uma tabela de conversão para estes casos, antes de comprar saiba quanto de carga a mochila pode carregar,e quanto de carga você aguenta carregar.

Hoje em dia existem mochilas de tamanhos especiais, a Deuter por exemplo usa a nomenclatura SL isso significa que são para pessoas com estatura até 1,70 centímetros de altura. Outras marcas como Curtlo a nomenclatura é dada pela sigla LF, para representar essa  mesma gama de mochilas.

Os fabricantes expõe uma série de características técnicas, que as vezes podem passar despercebido por nós aventureiros, mas é importante comparar uma ou outra mochila antes de finalizar a compra.

Aqui no nosso blog, você pode ver as avaliações de algumas mochilas que fizemos ao longo do tempo e assim saber mais sobre qual escolher, clique aqui para saber mais.

mochilas

Esperamos que este post tenha lhe proporcionado um intendimento um pouco melhor sobre como escolher a mochila ideal para suas aventuras, se gostou, comente sua opinião, deixe-nos um comentário!

Conheça os diferentes tipos de mochilas!

Para auxiliar e facilitar a escolha da mochila ideal, apresentaremos nesse post os variados tipos de mochilas, mostrando como usar em cada situação.

Em todos os contextos da nossa vida visando suprir diversas necessidades básicas, como ir à escola, passear, viajar, em fim, sempre que se necessite carregar algum objeto, de forma prática e mantendo assim nossas mãos livres, utilizamos malas ou mochilas.

Os aventureiros e os  viajantes, na maioria das vezes, ficam em dúvida sobre qual o tamanho de mala ou mochila utilizar em suas aventuras.

Tipos de mochilas:

  • Mochilas de rodas: São as primeiras a surgirem em nossa mente, pois são versáteis e  podem ser usadas nos ombros ou arrastando-a de um lado para o outro. São muito usadas por crianças e profissionais em suas viagens de bate e volta, são vistas em maior número nos aeroportos e escolinhas ao nosso redor.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

  • Mochilas de ataque: São mochilas normalmente usadas por viajantes, ciclo-turistas e aventureiros, possuem diferentes ajustes de alças, acopláveis perfeitamente na coluna. O tamanho dessas mochilas é dada por valores em litros, podendo ser de 10 a 32 litros. São usadas em pequenas viagens, trilhas leves e aventuras de bike.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

  • Mochilas cargueira média: São mochilas que possuem muitos ajustes. Podem variar de 35 a 55 litros de tamanho e são usadas por viajantes em geral em mochilões pelo mundo, trilhas de dificuldade média e trekking.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

  • Mochilas cargueira grande: São mochilas com grande capacidade de armazenamento, podem variar seu tamanho entre 60 e 90 litros ou mais, são usadas por aventureiros em grandes viagens, expedições, trekking de longa duração.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

  • Mochilas de Hidratação: São mochilas técnicas que possuem reservatórios de água acoplados internamente, sendo de tamanhos diferentes, podem variar entre 1 a 12 litros, usadas em corridas de aventura, viagens de bike, trilhas leves, em fim, para todo lugar que necessitar levar água.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

  • Mochilas para transporte de crianças: São mochilas construídas com cadeirinha para bebes e crianças, possuem cintos e fivelas de segurança, impedindo assim que a criança caia,  possui também armação retrátil, podendo a mochila ficar em pé sozinha. São usadas normalmente por viajantes que querem ter seus filhos junto nas suas aventuras.

tipos de mochilas
Foto: Deuter

Todas e qualquer  tipos de mochilas são encontradas na loja de nossos parceiros:

996056_580973958630913_159691964_n

Contato:

Fone: +55 (54) 3213.5131

vendas@guenoa.com.br

https://www.guenoa.com.br/

Edição e texto: Luís H. Fritsch