REVIEW – Mochila Arc’Teryx Axios 50 Men’s Tall

A mochila é equipamento indispensável à vida do trekker. Poderia até afirmar que ela ocupa o topo da lista de itens mais importantes, sendo a responsável por uma série de fatores consideráveis na sua aventura. No intuito de auxiliar aos que desejam adquirir um novo equipamento, quero deixar aqui minhas impressões sobre a Arc’Teryx Axios 50, minha nova companheira de aventuras.

 

 

axios10

axios13

axios11

axios12

  • Peso: 1.250g
  • Preço: R$525,00 (R$929,00 com impostos de importação)
  • Cores disponíveis: Preto e Laranja
  • Capacidade: 53 litros + 10 litros (corpo principal + bolso frontal)
  • Tamanhos disponíveis: Regular (Torsos de 45.5cm – 50.5cm) e Tall (Torsos de 50.5cm – 55.5cm)
  • Materiais: Spacermesh™, 100D Invista HT Mini Ripstop™, 420D Invista HT Plain Weave, EV®50 Perforated Foam, Hypalon™, 210D Ripstorm™, 840D Stretch Mesh, AeroForm™, 6061 Aluminum Stays.

A marca dispensa maiores apresentações. A Axios foi desenvolvida aos olhos da linha Bora, uma das mais conceituadas e carro-chefe da empresa em mochilas para travessias. Impressiona pela sua leveza e alta impermeabilidade, aliada à tecnologia empregada em sua construção.

Num primeiro momento, confesso que a capacidade volumétrica da mesma me surpreendeu e foi o primeiro ponto positivo que notei em comparação à outras que havia visto e com minha ACT Lite 50+10 da Deuter. O corpo principal é maior, mesmo tendo formato contrário à Deuter (triângulo invertido). A qualidade dos materiais também é um ponto perceptível e ganha destaque ao tecido, similar ao silnylon para conferir impermeabilidade ao conjunto, juntamente com as costuras reforçadas. No corpo principal, não há alças para o transporte de bastões de caminhada, mas os mesmos podem ser colocados nas laterais da mochila e presos com o auxílio das tiras de compressão.

Fivelas em poliamida e tiras bem localizadas, dão bom suporte e estrutura à carga. Nada de bolsos laterais, apenas os inferiores em mesh para o transporte de cantis e um frontal que comporta aproximadamente 10l. Achei uma boa sacada da marca, já que das duas que tive com bolsos laterais, nunca usei os mesmos. Um zíper amplo instalado na lateral permite acesso fácil ao interior da mochila, sem a necessidade de se abrir a tampa (outras marcas utilizam zíper frontal). Ela não é bipartida e não possui zíper inferior; outra boa ideia, pois os antigos ficaram sempre fechados.

Falando em tampa, achei a mesma muito grande, com bom espaço para se guardar diversos itens. Bolsos amplos e com zíperes impermeáveis são um ponto positivo e a mesma pode ser destacada para ser transportada separadamente. Achei que ela poderia ser um pouco mais côncava, para “abraçar” melhor o corpo da mochila, porém se fosse muito mais arqueada, não teria tanta capacidade de armazenamento.

axios3

axios4

A barrigueira anatomicamente estruturada e com ajustes, me pareceu um pouco fraca e desuniforme com a proposta da mochila, mas muito confortável. Seu formato côncavo interno, permite bom ajuste ao corpo e facilita os movimentos. O que não gostei foi a falta de um bolso para se levar canivete, dinheiro ou câmera digital (estava acostumado às outras). Outro ponto negativo é a falta de ajustes na altura das alças. Quando você compra essa mochila, precisa medir seu torso e analisar em qual tamanho ele se encaixa para poder comparar com a tabela de medidas do fabricante. Achei um pouco arriscado, mas depois de me informar bem, desencanei.

As alças revestidas em tecido telado são anatômicas, de bom tamanho e facilitam a dissipação do suor quando em uso. Possuem tira peitoral ajustável (comprimento e altura) e removível, tiras tensionadoras que estabilizam a carga e regulagem de posição. Possuem também pontos para fixação de objetos como GPS e mangueira do sistema de hidratação (bolso no corpo principal). Micro “daisy-chains” localizadas nas laterais da mochila podem ser utilizadas para se pendurar cordas, mosquetões e até mesmo a roupa molhada.

axios5

axios6

O costado merece uma nota à parte e é o ponto forte do equipamento. Construído em AeroForm, ele se ajusta e acompanha o formato do seu corpo a cada passo, ficando sempre rente e colado em suas costas. Essa construção permite bom fluxo de ar entre a mochila e seu corpo, reduzindo consideravelmente a temperatura e a transpiração. O sistema de sustentação em alumínio 6061, consegue transferir boa parte do peso para a barrigueira, tornando a mochila muito mais confortável.

Enfim, era exatamente o que procurava para minhas andanças. Peço desculpas pelas fotos, pois como estava com preguiça de mexer nos equipamentos, enchi a mochila com um cobertor. Consegui reduzir o peso, tamanho e aumentar a qualidade de meus equipamentos. Queria uma boa mochila para acompanhar essa evolução e encontrei na Axios 50 todas as características que buscava. Materiais empregados e construção de excelente qualidade aliam confiabilidade, leveza e conforto ao conjunto.

axios7

axios2

axios8

axios9

Esta foi somente uma impressão inicial ao receber e analisar o produto. Foi um tanto quanto sucinta, mas com o tempo e nos trekkings, novas opiniões surgirão e na medida do possível atualizarei este tópico.

Link para o site do fabricante: Arc’Teryx Axios 50

Sem título2

Texto e fotos: Edver Carraro
Site: Edver Carraro

1 Comment

  • Neymar,

    Much thanks again. Want more.

  • O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Previous reading
    Huayna Potosí, a jovem montanha de 6 mil metros
    Next reading
    O prazer de abrir a porta da barraca!