O maior bungee jump de cima de uma ponte do mundo

O primeiro instante é de desespero, grito. Mas os segundos seguintes podem ser do completo vazio. Um pulo no abismo que te dá uma verdadeira sensação de Nirvana, em que resta observar a paisagem e torcer para retornar à plataforma. Para quem ainda não se ligou no que estamos falando, trata-se do bungee jump, um esporte considerado por alguns o mais perigoso do mundo. A 500 metros do chão, no litoral da África do Sul, encontra-se uma plataforma com o maior bungee jump de cima de uma ponte. A corda tem 216 metros.

O maior bungee jump de cima de uma ponte do mundo
O maior bungee jump de cima de uma ponte do mundo

A Bloukrans River Bridge, a 40 quilômetros de Plettenberg Bay, pode ser considerada um paraíso para os mochileiros aventureiros. Quem pula vê de um lado a bela floresta do Parque Nacional Tsitsikamma e do outro o mar do Oceano Índico. Se olhar para baixo verá o rio que leva o mesmo nome da ponte. Desde 1997, é possível praticar bungee jump ali por meio da única empresa que opera no local, a Face Adrenalin.

Pessoas de todas as idades já passaram pela experiência, até um jovem senhor de 96 anos, o filósofo Mohr Keet. Em 2010, ele se tornou o bung jumper mais velho do mundo. Para incentivar os corajosos, o slogan da empresa é “Face fear: fear is temporary, regret is forever” (Enfrente o medo: o medo é temporário, o remorso é para sempre). O pulo sai por 790 rands (aproximadamente R$ 170), um valor alto para os padrões de gasto na África do Sul, mas baixo se comparado a outros grandes bungee jumps do mundo na Nova Zelândia e Suíça. Recomenda-se já comprar o pulo pela internet, para não correr o risco de chegar lá e desistir de pular quando ver a altura da ponte.

Para chegar até a base do bungee, é preciso andar por uma plataforma de metal suspensa embaixo da ponte de concreto. O medo já começa ali. Não é indicado olhar para baixo antes de saltar. Após o pulo, as fotos e o vídeo podem ser comprados na loja da Face Adrenalin por cerca de 100 rands. Confira abaixo as fotos e vídeos dos pulos.

2_-bungy-jump-6
Foto: Reprodução / Face Adrenalin
6_-bungy-jump-1
Foto: Reprodução / Face Adrenalin
3-_-bungy-jump-3
Foto: Reprodução / Face Adrenalin
4_-bridge-walk
Foto: Reprodução / Face Adrenalin
5-bungy-jump-4
Foto: Reprodução / Face Adrenalin
7-_-bungy-jump-8
Foto: Reprodução / Face Adrenalin

 “Enfrente o medo: o medo é temporário, o remorso é para sempre” Mohr Keet

Como chegar: geralmente quem vai para a ponte está fazendo o trajeto entre Cape Town e Port Elizabeth, na conhecida Garden Route. Há parques, santuários de animais, belas praias e muitas outras atrações pelo caminho. Há excursões que saem de Cape Town e têm como parada a Bloukrans River Bridge, mas se tiver em um grupo talvez compense alugar um carro e cair na estrada. Há ainda a opção de ir de ônibus, pela Baz Bus.

Texto: Wanderluster

Veja também: O único Bungee Jump com estrutura fixa no Brasil

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous reading
Não viajo porque sou rico, viajo porque me programo
Next reading
Usando a macrofotografia na natureza