Bungee jump na serra gaúcha!

O Eco Parque Cia Aventura inovou e instalou o único Bungee Jump na serra gaúcha. O salto é realizado na plataforma que está a 65 metros de altura, com uma vista incrível de cascatas e do vale do Rio das Antas. Para total segurança dos aventureiros são utilizados equipamentos importados e elásticos divididos em 3 categorias, conforme o peso de quem irá saltar: 50 a 70 kg, 70 a 90 kg e 90 a 110 kg.

Para a realização do salto é necessário ser maior de idade ou estar acompanhado por um responsável. Não é permitido que pessoas hipertensas, gestantes, em tratamento de depressão ou que tenham utilizado drogas saltem.

Bungee jump na serra gaúcha
Foto: Eco Parque
index (1)
Foto: Eco Parque

Assista o Vídeo:

História do Bungee Jump:

A prática do bungee jump pode ser traduzida como saltar no vazio de lugares altos e inusitados com uma corda elástica presa aos pés, podendo sua base ser de uma ponte, viadutos, helicópteros, guindastes, balões de ar quente ou até mesmo de plataformas metálicas.

O código de normas para realização de operações seguras na modalidade teve como base a Associação de Padrões da Nova Zelândia- SANZ e segue as regras internacionais de segurança e qualidade do trabalho em alturas. O Bungee Jump teve suas raízes em rituais antigos de masculinidade das Ilhas Pentecostais no Pacífico Sul.

Os jovens saltavam de torres de bambu com cipós amarrados aos tornozelos para suavizar a queda. A moderna prática do Bungee Jump só ficou mais conhecida em 1987, quando um grupo de esportistas pioneiros saltou da Torre Eiffel, em Paris.

land_diving_06-620x403

Em 1988 surgiu, em Ohakune, na Nova Zelândia, o Bungee Jump comercial, criado por A. J. Hackett. Atualmente é administrado em âmbito internacional pelas entidades: North American Bungee Association–NABA; United States Bungee Association–USBA; Nova Zelândia– SANZ; The British Elastic Rope Sports Association-BERSA.

Para saber mais sobre as aventuras encontradas no Cia aventura – Eco parque, clique aqui.

1 Comment

  • escolhoviajar,

    Wow! Adoramos saber da novidade! 🙂

  • O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Previous reading
    Casinhas minimalistas ao redor do mundo
    Next reading
    Mulheres que viajam são diferentes das outras, saiba porque?